Operação notifica 39 por som alto na Catedral; estacionamento será limitado !

31/01/2013 16:29

 

Operação Sossego. 

Para coibir algazarras excessivas nas mediações da Catedral de Maringá, uma grande ação, batizada de "Operação Sossego", foi realizada, nos dois últimos fins de semana. Cerca de 60 homens, entre policiais militares, guardas municipais, agentes de trânsito e da prefeitura participaram da fiscalização, que multou 39 automóveis.Para impedir a bagunça no local, a Polícia Militar solicitou à Prefeitura, na semana passada, o fechamento do estacionamento da Catedral com correntes, permitindo o acesso apenas nos horários de missa. "Recebemos inúmeras denúncias de que o espaço serve para competição de som automotivo, com pessoas empinando motos e fazendo uso deliberado de bebidas alcoólicas e drogas", fala a aspirante a oficial, Bruna Galli Silva. A limitação, que já existia antes da reforma, pretende diminuir as reclamações de pertubação ao sossego e outros crimes que ocorrem com frequência no local. "A ação dava bons resultados e, por isso, deve ser colocada em prática novamente", fala o diretor da Guarda Municipal, Rogério Mello. A assessoria de imprensa da Prefeitura informou que as correntes, que limitavam o acesso ao estacionamento da Catedral, foram retiradas por conta da reforma. Elas devem ser recolocadas ainda esta semana. A entrada será permitida apenas nos horários de missa.

 

Nossa Opinião.

 

Entendemos a necessidade de ficalização, porém nao entendemos o abuso de poder, e a falta de preparo dos citados acima, vemos autoridades sendo violentas com jovens que nem sempre estão infringindo a lei, ou ao menos com o som em uma altura exorbitante. Existem sim pessoas que tem som automotivo mas que sabem se portar em locais e situações diferentes, o que não sabemos é o porque dessa necessidade de generalizar e agredir verbalmente as pessoas. A praça da Catedral de Maringá é de uso público e ponto de encontro de muitas pessoas que se deslocam até o local para se divertir de forma saúdavel. Ao contrario de limitar os horario de uso do estacionamento, a Prefeitura do Municipio De Maringá deveria aumentar o contigente de Guardas Municipais neste região e não proibir o acesso. Essa é a nossa opinião.